BLOG

Previna-se contra o Câncer de Mama

25/10/2017

Criada em 1990 o #OutubroRosa é celebrada anualmente, com o objetivo de compartilhar informações sobre o câncer de mama e promover a conscientização sobre a doença. Por isso é muito importante ficar ligado nessas dicas durante o ano todo!
O câncer de mama pode não causar sintomas, apresentando alterações visíveis somente na mamografia. À medida que o câncer se desenvolve, pode ocorrer a formação de nódulos ou áreas mais endurecidas na mama, mas cuidado, dor mamária nem sempre acompanha esses sintomas.

A parte mais importante são os exames, sendo do mais simples como o autoexame até a mamografia. O autoexame das mamas deve ser realizado mensalmente, uma semana após o período menstrual, palpando-se as mamas durante o banho e também na posição deitada. Como o autoexame detecta apenas tumores maiores, não deve ser utilizado como única forma de detecção do câncer de mama. Sua realização é um método complementar à mamografia e ao exame clínico, servindo também como forma de autoconhecimento corporal. 

Devido o câncer de mama não apresentar sintomas em suas fases iniciais, é necessária a realização periódica de alguns exames para diagnostica-lo o mais precocemente possível, possibilitando assim maiores chances de cura. A mamografia é o principal exame para diagnosticar precocemente o câncer de mama. É feita através do Raio-X específico das mamas, que detecta alterações suspeitas de câncer ainda muito pequenas.